Papa Francisco aceita renúncia de três bispos do Chile

Entre os que renunciaram, está Dom Juan de la Cruz Barros Madrid, acusado de ter acobertado casos de pedofilia no Chile

Da Redação, com Boletim da Santa Sé

A sala de imprensa da Santa Sé comunicou nesta segunda-feira, 11, que o Papa Francisco aceitou a renúncia de três bispos do Chile.

Dois deles já completaram 75 anos, idade na qual o bispo costuma apresentar renúncia por motivo de idade, tornando-se bispo emérito. São eles Dom Cristián Caro Cordero, da arquidiocese de Puerto Montt, e Dom Gonzalo Duarte García de Cortázar, da diocese de Valparaíso.

Para a arquidiocese de Puerto Montt, Francisco nomeou como administrador apostólico padre Ricardo Basilio Morales Galindo, que é provincial dos Mercedários no Chile. Já para a diocese de Valparaíso, como administrador apostólico foi nomeado Dom Pedro Mario Ossandón Buljevic, bispo auxiliar de Santiago do Chile.

A terceira renúncia aceita e anunciada hoje foi a de Dom Juan de la Cruz Barros Madrid, bispo da diocese de Osorno. Para essa diocese, Francisco nomeou como administrador apostólico Dom Jorge Enrique Concha Cayuqueo, bispo auxiliar de Santiago do Chile.

Dom Juan de la Cruz Barros Madrid foi acusado de ter acobertado casos de pedofilia no país envolvendo o padre Fernando Karadima. Diante das denúncias, Francisco decidiu, em janeiro passado, mandar um enviado a Santiago para investigar os casos.

Recentemente, Francisco recebeu no Vaticano grupos de vítimas de abusos por parte do clero no Chile. Ele também convocou a Conferência Episcopal Chilena para comparecer a uma reunião no Vaticano a fim de analisar esses casos. Ao final desse encontro, Francisco entregou uma carta aos seus irmãos no episcopado. “À luz desses acontecimentos dolorosos referentes aos abusos – de menores, de poder e de consciência – temos aprofundado a gravidade dos mesmos assim como as trágicas consequências que tiveram particularmente para as vítimas. A algumas delas eu mesmo pedi perdão de coração”, lembrou o Papa na carta.

Os bispos do Chile, após o encontro, emitiram um comunicado informando que todos os 34 bispos chilenos que participaram da reunião colocaram seus cargos à disposição do Santo Padre.

 

O post Papa Francisco aceita renúncia de três bispos do Chile apareceu primeiro em Notícias.

;
Matéria retirada do Site: Noticias do Vaticano por papa.cancaonova.com

Gostou do nosso site, compartilhe...

Pastoral da Comunicação Santa Terezinha

Missão: “Testemunhar e anunciar o Evangelho de Jesus Cristo”. A Pastoral da Comunicação testemunha e anuncia o Evangelho de Jesus Cristo, promovendo a comunhão e a participação ativa no processo comunicacional e consolidando a missão da Igreja por meio da comunicação. Definição: “É a pastoral do ser e estar em comunhão com a comunidade. É a pastoral da acolhida, da participação, das inter-relações humanas, da organização solidária e do planejamento democrático do uso de recursos e instrumentos de comunicação” (doc. 75 – Igreja e Comunicação -  CNBB) A Pastoral da Comunicação é o organismo que deve aproximar-se dos meios de Comunicação e colocá-los a serviço da divulgação da mensagem de Cristo, proclamando a partir dos telhados (cf MT. 10, 27; Lc 12,3) a mensagem da qual é depositária. E João Paulo II vem confirmar este anseio da Igreja quando diz que “não é suficiente usar os meios de comunicação para difundir a mensagem cristã e o Magistério da Igreja, mas é necessário integrar a mensagem nesta “nova cultura”, criada pelas modernas comunicações... Com novas linguagens, novas técnicas, novas atitudes psicológicas”. (Redemtoris missio). Objetivo Geral: As diretrizes da Pascom têm como objetivo principal consolidar a missão da Igreja por meio da comunicação. Organizar e animar a Pastoral da Comunicação, para que ela seja um instrumento eficaz e ajude permanentemente as paróquias e, por conseguinte a diocese a cumprir sua missão de anunciar a Cristo de modo planejado. O fortalecimento do processo dialógico enaltece qualidades existentes na comunidade como a acolhida, o amor fraternal e a compreensão da complexidade das relações pessoais e a superação dos desafios, tornando comum as diferenças e assumindo em conjunto o projeto evangélico da instalação do Reino de Deus entre nós. O Sistema Pascom de Automatização de Mensagens, foi desenvolvido plenamente para que nossos paroquianos tenha sempre a mão as notícias mais atualizadas possíveis.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *